One Comment

  1. 1

    Vanuzia Carneiro

    A Violência Psicóloga deveria ser levada mais a sério tanto pelos profissionais da Saúde Mental quanto pela Lei 11.340/2006 Maria da Penha Artigo 129 do Código Penal é muito vago quando se refere ao AGRAVO a Saúde.Deveria ser mais sucinto no que se refere aos danos existências dessa Dor emocional que é quase imperceptível quando vamos denúnciar o agressor pela Violência Psicóloga onde as marcas são imperceptíveis a olho nú e muitas vezes deixam de ser levadas à sério na hora do julgamento. Cabe nós vítimas desse sistemas judiciário arcaico moroso e cruel com nós mulheres sair do comodismo é mostrar aos que nos julgam sentenciam e condenam nas mídias dem comunicação em massa e redes sociais que as lesões causadas por tal crime carregaremos o resto de nossas Vidas mesmo com anos de Terapia.Eu Vanuzia Carneiro 52 anos ainda em situação de Violência aqui em Salvador Bahia quero deixar registrado meu repúdio e.provocar a Supremo Tribunal Federal que chega de pesquisas de estatísticas de mulheres que já morreram e se preocupem.vom as que assim como eu sobrevivem a pior das Violências a VIOLÊNCIA INSTITUCIONAL.E exijo em nome de todas que passam por esse agravo a saúde(Violência Psicóloga)urgentemente uma COMISSÃO MISTA DE SINDICÂNCIA COM TODA A REDE E TODAS NÓS MULHERES QUE AINDA PADECEM PELA MOROSIDADE DOS CARTÓRIOS ABUSO DE PODER DE JUIZAS E SERVENTUÁRIOS DA JUSTIÇA NO MEU CASO DO ESTADO DA BAHIA.Abram uma sindicância no tratamento desumano nas delegacias comuns e nas duas Deam e em todo Brasil.Estou a disposição para relatar a realidade nua e crua tal como ela é e deixo meu e-mail:vanuziacarneiro@gmail.com e WhatsApp Tim Brasil sem fronteiras (71)99199-1354 para que outras mulheres encontrem em mim forças para enfrentar e denúnciar.Vanuzia Carneiro 09/01/2017 06h14 Salvador Bahia Brasil

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.